Polícia Federal prende 2 ex-governadores do Distrito Federal

Foto do estádio Mane Garrincha em Brasilia antes do jogo Brasil x África do Sul (Foto: Felipe Schmidt/GloboEsporte.com)
Foto do estádio Mane Garrincha em Brasilia antes do jogo Brasil x África do Sul (Foto: Felipe Schmidt/GloboEsporte.com)

A Polícia Federal cumpre na manhã desta terça-feira (23) mandados de prisão temporária contra ex-governadores do Distrito Federal José Roberto Arruda e Agnelo Queiroz e o ex-vice-governador Tadeu Filippelli, hoje assessor do presidente Michel Temer. Às 8h12, segundo informações da PF, os três políticos foram detidos. Também foi presa Maruska Lima, ex-presidente da Terracap.

A operação Panatenaico é baseada em delação premiada de executivos da Andrade Gutierrez sobre um esquema de corrupção nas obras do estádio Mané Garrincha. A PF diz que a reforma do local pode ter sido superfaturada em cerca de R$ 900 milhões, visto que estava orçada em R$ 600 milhões mas custou R$ 1,575 bilhão.

O advogado de Arruda, Paulo Emílio, afirmou ao G1 que ainda está “tomando pé das circunstâncias”, mas que vai tentar revogar o mandado prisão. Segundo ele, o político ainda não tinha sido preso até às 8h20.

Fonte:http://g1.globo.com/distrito-federal/noticia/policia-federal-cumpre-mandado-de-prisao-contra-arruda-agnello-e-vice-tadeu-filippeli.ghtml