Odebrecht afirma ter feito acordo para repassar R$ 50 milhões a Aécio Neves

Delatores não esclareceram se os valores alegados foram efetivamente pagos a Aécio / Geraldo Magela/Agência Senado

As delações premiadas do ex-presidente da Odebrecht Marcelo Odebrecht e de outros executivos da empreiteira citam um acordo feito em conjunto com a Andrade Gutierrez para repassar R$ 50 milhões ao senador Aécio Neves (PSDB-MG).

De acordo com informações publicadas pelo jornal Folha de S.Paulo, a transferência de recursos seria feita após vencerem o leilão para a construção da hidrelétrica Santo Antônio, em Rondônia, em dezembro de 2007.

A publicação afirma que executivos que complementaram o depoimento de Marcelo e disseram a Odebrecht se comprometeu a pagar R$ 30 milhões, enquanto a Andrade Gutierrez se encarregou dos R$ 20 milhões restantes.

Segundo apurou o jornal, os delatores não esclareceram se os valores alegados foram efetivamente pagos.

As delações dos executivos da Odebrecht seguem sob segredo de justiça, mas já é de conhecimento que onome de Aécio figura entre os 83 pedidos de abertura de inquérito enviado pela procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao STF (Supremo Tribunal Federal).

 

Fonte: http://noticias.r7.com/brasil/odebrecht-afirma-ter-feito-acordo-para-repassar-r-50-milhoes-a-aecio-neves-19032017