Category: Policial

Mulher morre e criança é baleada em atentado na Zona Oeste de Natal

Resultado de imagem para TiroUma mulher morreu e um homem e uma criança de oito anos ficaram feridos após uma perseguição que aconteceu no bairro Bom Pastor, na Zona Oeste de Natal, neste domingo (24). A informação foi confirmada pela Polícia Militar.

De acordo com a PM, a mulher seguia na garupa de uma moto na Rua da Paz, enquanto era perseguida pelos criminosos, que estavam em um carro. Eles atiraram contra ela e o homem que guiava a motocicleta. Os tiros acertaram a passageira e ela morreu no local.

O condutor da motocicleta também foi atingido. Além dele, um menino de oito anos que estava na rua foi baleado. Ambos foram socorridos à Unidade de Ponto Atendimento (UPA) da Cidade da Esperança, na Zona Oeste da capital.

A polícia ainda não tem a identificação das vítimas, bem como informações sobre o estado de saúde dos sobreviventes do atentado. Os policiais realizaram buscas na região em que aconteceu o crime, no entanto ninguém foi preso.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/mulher-morre-e-crianca-e-baleada-em-atentado-na-zona-oeste-de-natal.ghtml

‘Minha vida parou’, diz mãe de jovem morto em chacina no RN

Velório das vítimas da chacina de Extremoz, no RN, reuniu muitas pessoas da comunidade (Foto: Heloísa Guimarães/Inter TV Cabugi)
Velório das vítimas da chacina de Extremoz, no RN, reuniu muitas pessoas da comunidade (Foto: Heloísa Guimarães/Inter TV Cabugi)

Minha vida parou”, resumiu Nilma Cardoso sobre o assassinato do filho. Ela é mãe de Danielson Cardoso de Aquino, de 20 anos,executado a tiros na noite da sexta-feira (22) junto com outros cinco jovens, em Extremoz, Grande Natal. Os corpos dos seis foram velados juntos na manhã deste domingo (24), na sala de aula de uma escola municipal em que o mais novo estudava e os demais eram ex-alunos. Muitas pessoas da comunidade se reuniram para prestar solidariedade às famílias.

Dona Nilma diz que não consegue lidar com a dor do assassinato de Danielson. Segundo ela, o rapaz trabalhava como motorista de feira, três vezes na semana. “Acordava às 3h da manhã para trabalhar”, conta.

Danielson de Aquino foi morto a tiros junto com Eribelton Avelino da Silva, de 23 anos, Geovane da Silva, de 20 anos, Fernando Gomes Teixeira, de 20 anos, Artur Antônio Alves do Nascimento, também de 20 anos, e Vinícius Manuel Câmara Tomás, de 16 anos de idade.

Os seis foram executados na frente de uma casa na comunidade de Santa Maria, em Extremoz. Eles faziam uma pequena confraternização e bebiam quando foram rendidos pelos assassinos. Um deles ainda foi socorrido, mas chegou morto ao hospital. Ninguém foi preso.

Segundo o delegado Luciano Chaves, que coordena uma das equipes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a chacina aconteceu por volta das 21h. Ao G1, ele contou que pelo menos 10 homens com armas de grosso calibre participaram da matança. No local, também foram encontradas capsulas de pistola.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/minha-vida-parou-diz-mae-de-jovem-morto-em-chacina-no-rn.ghtml

Seis são mortos em chacina em Extremoz, na Grande Natal

Foto foi tirada por uma das vítimas pouco antes de os assassinos chegarem (Foto: Divulgação/PM)
Foto foi tirada por uma das vítimas pouco antes de os assassinos chegarem (Foto: Divulgação/PM)

Seis jovens foram executados a tiros na noite desta sexta-feira (22) na frente de uma casa na comunidade de Santa Maria, em Extremoz, município da Grande Natal. Eles faziam uma pequena confraternização e bebiam quando foram rendidos pelos assassinos. Um deles ainda foi socorrido, mas chegou morto ao hospital. Ninguém foi preso.

Segundo o delegado Luciano Chaves, que coordena uma das equipes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o crime aconteceu por volta das 21h. Ao G1, ele contou que pelo menos 10 homens com armas de grosso calibre participaram da matança. No local, também foram encontradas capsulas de pistola.

Até o momento, cinco mortos foram identificados. São eles:

  • Eribelton Avelino da Silva, 23 anos;
  • Geovane da Silva, 20 anos;
  • Fernando Gomes Teixeira, 20 anos;
  • Artur Antônio Alves do Nascimento, 20 anos;
  • Vinícius Manuel Câmara Tomás, 16 anos.

O corpo da sexta vítima permanece no Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), em Natal, a espera de identificação.

Antes de os criminosos acabarem com a festa, os jovens chegaram a fazer uma foto registrando a confraternização. A imagem estava no celular de um deles. “Os criminosos chegaram à residência em dois ou três carros e estavam vestidos de preto. Lá, ordenaram que os rapazes deitassem no chão e atiraram. O estrago foi grande”, acrescentou o delegado.

Ainda de acordo com Luciano, ainda não é possível afirmar o que motivou a chacina, mas a polícia investiga a possibilidade de os jovens estarem envolvidos com facções criminosas e consequentemente com o tráfico de drogas.

A PM foi chamada ao local pouco após os disparos e ainda fez buscas pela região, mas não encontrou nenhum suspeito.

Fonte:https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/seis-sao-mortos-em-chacina-na-grande-natal-estrago-grande-diz-delegado.ghtml

Homens armados invadem e assaltam lotérica na Zona Sul de Natal

Quatro homens armados assaltaram uma lotérica no conjunto Cidade Satélite, na Zona Sul de Natal, na tarde desta quinta-feira (21). A ação foi filmada por câmeras de segurança, e o vídeo mostra todo o crime, além da fuga da quadrilha.

O grupo chegou ao local já perto das 15h, em um carro branco. A filmagem mostra que três homens saem do carro, armados, e seguem em direção à lotérica.

Depois de realizarem o arrastão, os três voltam ao veículo, onde já estava esperando o quarto criminoso, no votante. A quadrilha fugiu e não foi mais vista.

Veja Vídeo clicando na foto.

Vídeo das câmeras de segurança mostra ação de assaltantes em lotérica na Zona Sul de Natal (Foto: Reprodução)

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/homens-armados-invade-e-assalta-loterica-na-zona-sul-de-natal-video.ghtml

‘A violência está tomando conta do RN e ninguém faz nada’, diz secretário vítima de bala perdida em Natal

Antônio Rogério Peixoto Neto, secretário de Saúde de Paraú, se recupera de cirurgia (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)
Antônio Rogério Peixoto Neto, secretário de Saúde de Paraú, se recupera de cirurgia (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Sinto que a violência está tomando conta do país, do RN, e ninguém faz nada”. As palavras são do secretário de Saúde de Paraú, Antônio Rogério Peixoto Neto, vítima de uma bala perdida na noite desta quinta-feira (20) em Natal. O secretário foi baleado durante um tiroteio, no qual um homem morreu. O suspeito de ter feito os disparos foi preso.

Antônio Neto falou com o repórter Kleber Teixeira, da Inter TV Cabugi, na manhã desta quinta (21) no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, onde se recupera de uma cirurgia (veja vídeo acima). O tiro atingiu o abdômen do secretário. “Foi um susto grande. A primeira coisa que agente pensa é na família”, afirmou.

Ainda de acordo com o secretário, ele havia ido à rodoviária de Natal para retirar dinheiro em um caixa eletrônico. Mas, antes disso, parou em um espetinho para fazer um lanche. “Comprei o espetinho, e quando a mulher foi pegar o troco, chegou esse rapaz atirando pra matar uma determinada pessoa que eu não sei que era”, contou.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/a-violencia-esta-tomando-conta-do-rn-e-ninguem-faz-nada-diz-secretario-vitima-de-bala-perdida-em-natal.ghtml

Governo do RN confirma concurso para PM; Fórum de Segurança discorda da quantidade de vagas e nível exigido

Edital para concurso da PM será publicado até o final de outubro, diz Sesed (Foto: Divulgação/Polícia Militar do RN)

Rio Grande do Norte terá concurso público para praça da Polícia Militar ainda este ano, é o que garante a Secretaria de Segurança Pública e da Defesa Social. Ao G1, a Sesed confirmou que o edital do concurso, inclusive, será publicado no Diário Oficial do Estado até o final de outubro com a oferta de 1.000 vagas para candidatos de nível médio.

A Sesed também informou que, após o concurso para soldado, um projeto visando um segundo concurso, desta vez só para oficial, será enviado para apreciação dos deputados na Assembleia Legislativa.

Entrave

Porém, existe um entrave. A realização do concurso, no modelo que foi anunciado pelo governo, não agrada o Fórum de Segurança Pública do Rio Grande do Norte – entidade que reúne instituições de segurança pública do estado. Existe discordância em alguns pontos, como a quantidade de vagas ofertadas e o nível de escolaridade exigido.

“Defendemos que o concurso só seja aberto quando for modificada a forma de ingresso. Inclusive, existe um projeto de lei já tramitando na esfera governamental. Defendemos ingresso com nível superior, exigência de CNH no mínimo na categoria ‘B’, investigação social, e exames psiquiátrico e psicológico. Todas essas exigências só serão possíveis com a modificação dos artigos 10 e 11 do Estatuto da PM que trata do assunto”, listou o representante do Foseg, o subtenente da PM Eliabe Marques, que preside a Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais Militares e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN).

A Sesed explicou que, em razão da urgência em se aumentar o efetivo da PM, o jeito mais rápido de ampliar o quadro é realizar um concurso com nível médio. Para nível superior o processo é mais demorado porque existe a obrigação de o certame ser aprovado pela Assembleia, o que retarda o processo.

Sobre isso, Eliabe também também apresentou uma alternativa diferente. “Quer rapidez, é só convocar os 824 suplentes do concurso público realizado em 2005. Destes, pelo menos 600 têm capacidade de assumir a função”, sugeriu.

Do G1RN

Suspeito de maltratar e desviar aposentadoria da própria mãe é preso em Natal

Um homem suspeito de maltratar e desviar a aposentadoria da própria mãe foi preso na tarde desta segunda-feira (18) no Planalto, Zona Oeste da capital.

Geladeira quase vazia, alimentos vencidos, cozinha e quartos cheios de entulhos. Foi assim que os policiais civis da Delegacia de Proteção ao Idoso (DEPI) encontraram a casa de uma senhora de 70 anos.

A polícia recebeu denúncias de que a mulher, apesar de receber uma aposentadoria, vive nessas condições porque é vítima de extorsão e maus tratos do próprio filho. Ele tem 34 anos, foi preso em flagrante, mas nega os crimes.

A delegada da DEPI, Ana Paula Diniz, conta que o suspeito disse cuidar bem da idosa. A vítima nega. “Ele diz que ajuda sua mãe plenamente, nega maus tratos, nega a negligência, bem como nega o desvios de proventos. Ele diz que usa o dinheiro em favor da mesma, o que foi dito de forma inversa pela mãe, e os vizinhos corroboram com o que está escrito na denúncia e com as palavras da vítima”, disse.

O filho da idosa já responde pelo crime de receptação. Ele foi preso anos atrás com um carro roubado e estava em liberdade condicional. Agora, pode ser indiciado por quatro crimes, como o agravante de violência psicológica prevista na lei Maria da Penha.

De acordo com a delegada Ana Paula, casos como este são comuns na delegacia do idoso e o agressor quase sempre é alguém da família. “São bem recorrentes, esses casos. Inclusive os de negligência, maus tratos e desvio de proventos dos idosos, geralmente por membros da própria família”, conclui.

Polícia prende mais um suspeito de participar de quadrilha de explosão a bancos no RN e PB

Petronilo Costa Neto foi preso em Campo Grande pela polícia nesta segunda-feira (18) (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

A polícia prendeu nesta segunda-feira (18) mais um homem suspeito de integrar a quadrilha suspeita de explodir uma agência bancária na cidade de Brejo do Cruz, na Paraíba, no dia 3 de setembro. Petronilo Costa Neto foi detido sob força de mandado de prisão na cidade de Campo Grande, no Oeste potiguar, e é suspeito dar apoio logístico aos criminosos.

De acordo com o delegado Sandro Régis, delegado regional de Patu, sete pessoas apontadas como integrantes da quadrilha foram presas desde o assalto em Brejo do Cruz.

Com Petronilo, a polícia encontrou um rifle calibre 38; um fuzil calibre 7,62; uma espingarda calibre 32; uma espingarda artesanal; um revólver calibre 38, além de 135 munições Calibre 7,62; duas munições Calibre 12; 81 munições calibre 22; 85 munições calibre 36; duas munições calibre 45; e três munições calibre 44.

“Ele era responsável por acobertar os assaltantes, esconder armas”, afirma o delegado Sandro Régis. Ainda segundo ele, o grupo criminoso é apontado como responsável por “boa parte” dos assaltos e explosões a unidades bancárias do interior da Paraíba e do Rio Grande do Norte.

Petronilo Costa Neto foi conduzido à cidade de Brejo do Cruz, onde foi autuado em flagrante.

Fim de semana tem 30 homicídios no RN, diz instituto

Maior parte dos homicídios do final de semana foi por arma de fogo  (Foto: Flávio Muniz/ Inter TV Cabugi)
Maior parte dos homicídios do final de semana foi por arma de fogo (Foto: Flávio Muniz/ Inter TV Cabugi)

O Rio Grande do Norte teve 30 mortes violentas neste final de semana, entre sexta-feira (15) e domingo (17), segundo registrou o Observatório da Violência Letal Intensional (Óbvio). Com isso, chega a 1.780 o número de vítimas da violência em 2017, no estado. Uma média de quase sete pessoas morre por dia nos limite potiguares.

A metade dos crimes do fim de semana aconteceu somente no domingo, quando 15 pessoas foram vítimas da criminalidade. Ao longo dos três dias, 22 homicídios ocorreram na Região Metropolitana de Natal. Somente Natal e Ceará-Mirim, juntas, tiveram 13 casos.

Já a região Agreste potiguar foi a única que não contou qualquer morte violenta nos três dias.

A maioria das vítimas foram homens (28). Duas mulheres morreram de forma violenta. Um total de 24 homicídios foi por arma de fogo e três tiveram registro de arma branca. Também houve casos de espancamento e carbonização.

Com 1.780 homicídios, o estado registra crescimento de 26,7% entre primeiro de janeiro e 17 de setembro. Em relação a 2015, esse crescimento é de quase 60%. Até a mesma data, no ano passado, o estado tinha registrado 1.405 casos. Em 2015, foram 1.125.

Procurada pelo G1, a Secretaria de Estado da Segurança Pública afirmou que não comenta os números do instituto.

Fonte:https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/fim-de-semana-tem-30-homicidios-no-rn-diz-instituto.ghtml

Assassinada aos 18, Mayara chegou a sonhar com futuro no handebol

Mayara Fontoura Holsback posa para foto (Foto: Arquivo pessoal)
Mayara Fontoura Holsback posa para foto (Foto: Arquivo pessoal)

Mayara Fontoura Holsback, 18 anos, morta com golpes de objeto cortante na própria cama. Essa é a cena encontrada pela Polícia Civil de Campo Grande na madrugada de sábado (16), ligada a um caso que tem como principal suspeito o ex-namorado da jovem, indício de um possível feminicídio.

Na tarde deste sábado, a violência do crime contrastava com o ruído quase inexistente no velório, e com o número de pessoas que chegavam ao local onde a cerimônia ocorre, na Pax São João Batista, em Campo Grande.

No espaço, concentravam-se amigos íntimos e família. O silêncio da perda só foi interrompido pelo som da angústia: o choro indicava a chegada da mãe de Mayara, Ana Fontoura Dias, e foi o único barulho que se ouviu durante os momentos que acompanharam sua chegada da até a entrada no velório.

O caso pode ser mais um feminicídio a integrar a extensa lista de casos como este em Mato Grosso do Sul, Estado marcado pela violência de gênero. Isso porque a família, os amigos e os vizinhos apontam o ex-namorado como principal suspeito.

Investigada pela Deam (Delegacia especializada no atendimento à mulher), a autoria do crime ainda não tem confirmação.

 

Fonte:https://www.campograndenews.com.br/cidades/capital/assassinada-aos-18-mayara-chegou-a-sonhar-com-futuro-no-handebol

Jovem tenta entrar em presídio do RN com maconha escondida em fundo falso de calcinha

Maconha foi escondida em um fundo falso costurado na calcinha (Foto: Divulgação)

Uma jovem de 18 anos foi presa na manhã desta quinta-feira (14) ao tentar entrar em um presídio do Rio Grande do Norte com 50 gramas de maconha dentro da calcinha. O vídeo acima mostra que um fundo falso foi costurado para esconder a droga. Não deu certo.

O flagrante aconteceu no Complexo Penal de Pau dos Ferros, onde a jovem foi visitar o namorado, que cumpre pena por assalto. “Ela recebeu voz de prisão e foi levada para a delegacia da cidade para ser autuada”, confirmou o diretor da unidade, o agente penitenciário Caio Arnaud.

“Depois, se o juiz mantiver a prisão, ela será enviada para o destacamento da PM de Encanto, onde outras detentas da região cumprem pena”, acrescentou o diretor.

Do G1RN

Reitor da Universidade Federal de Santa Catarina é preso em operação contra desvio de recursos

Cancellier assumiu a reitoria da UFSC em 2016 (Foto: Reprodução/RBSTV)

O reitor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Luís Carlos Cancellier de Olivo, foi preso na Operação Ouvidos Moucos, da Polícia Federal, nesta quinta-feira (14). A ação tenta desarticular uma organização criminosa que supostamente desviou recursos para cursos de Educação a Distância (EaD) da UFSC.

Os mandados são cumpridos em FlorianópolisItapema e Brasília. Também há buscas na Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), em Brasília. A Justiça Federal determinou que a unidade central da Capes “forneça imediatamente à PF acesso integral aos dados dos repasse para os programas de EaD da UFSC”.

Resultado de imagem para a Universidade Federal de Santa Catarina EAD
Segundo informações, os desvios aconteciam na modalidade EAD da UFSC

Mais de 100 policiais federais cumprem sete mandados de prisão temporária, cinco mandados de condução coercitiva, 16 mandados de busca e apreensão. A operação também tem como objetivo afastar sete pessoas das funções públicas que exercem.

O trabalho é feito em conjunto com Controladoria Geral da União e Tribunal de Contas da União. “O nome da operação faz referência à desobediência reiterada da gestão da UFSC aos pedidos e recomendações dos órgãos de fiscalização e controle”, informou a PF.

Conforme a PF, as investigações começaram a partir de suspeitas de desvio no uso de recursos públicos em cursos de Educação à Distância oferecidos pelo programa Universidade Aberta do Brasil (UAB) na UFSC. “A operação policial tem como foco repasses que totalizam cerca de R$ 80 milhões”.

Professores da UFSC, especialmente do Departamento de Administração, empresários e funcionários de instituições e fundações parceiras “teriam atuado para o desvio de bolsas e verbas de custeio por meio de concessão de benefícios a pessoas sem qualquer vínculo com a universidade”, afirma a PF.

Fonte: https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/pf-faz-operacao-contra-desvios-de-recursos-na-ufsc.ghtml

Quadrilha tenta roubar carros-fortes e incendeia automóvel no interior do RN

Carros-fortes foram atacados por assaltantes entre Bom Jesus e Santa Maria (Foto: Clayton Carvalho/Inter TV Cabugi)
Carros-fortes foram atacados por assaltantes entre Bom Jesus e Santa Maria (Foto: Clayton Carvalho/Inter TV Cabugi)

Assaltantes tentaram roubar o dinheiro de dois carros-fortes entre as cidades de Bom Jesus e Santa Maria, distante aproximadamente 60 quilômetros de Natal. O crime aconteceu no início da noite desta quarta-feira (13).

A quadrilha trocou tiros com um vigilante de uma das empresas de transporte de valores e com policiais militares, e ainda incendiou um automóvel, que foi largado no meio da pista para dificultar que a polícia partisse em perseguição.

Segundo o tenente-coronel Eduardo Franco, da assessoria de imprensa da PM, os dois carros-fortes trafegavam na estrada que liga Bom Jesus a Santa Maria quando foram interceptados pelos assaltantes. Pelo menos oito homens que estavam em três veículos participaram do ataque.

Um dos vigilantes, que seguia em um dos carros-fortes, reagiu e trocou tiro com os criminosos. Um outro segurança chamou a PM. Quando os policiais chegaram ao local, ainda de acordo com o tenente-coronel Franco, os assaltantes fugiram.

Na fuga, os bandidos atearam fogo em um automóvel (Foto: Clayton Carvalho/Inter TV Cabugi)
Na fuga, os bandidos atearam fogo em um automóvel (Foto: Clayton Carvalho/Inter TV Cabugi)

Antes de fugirem, no entanto, um dos carros usados pelos criminosos foi largado no meio da pista e incendiado. A quadrilha fugiu em outros dois veículos.

A assessoria de imprensa da PM afirma que a polícia segue realizando patrulhamento na região em busca dos assaltantes.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/quadrilha-tenta-roubar-carros-fortes-e-ateia-fogo-em-automovel-para-fugir-no-interior-do-rn.ghtml

Polícia aponta prefeita de Santa Luzia como mandante de assassinato de jornalista

Prefeita de Santa Luzia foi presa na última quinta-feira na cidade (foto: Reprodução da Internet)

A prefeita de Santa Luzia, cidade localizada na Grande BH, Roseli Ferreira Pimentel foi indiciada por homicídio duplamente qualificado pelo assassinato do jornalista Maurício Campos Rosa, de 64 anos. As investigações apontam que a morte foi motivada pela disputa eleitoral. A administradora municipal, presa na quinta-feira, vai também responder por peculato, pois teria usado verba pública para financiar o homicídio e ocultado provas do crime. Os detalhes do caso foram repassados em entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira.

O assassinato do jornalista, que era dono do jornal O Grito, ocorreu em 17 de agosto de 2016. Segundo as investigações, Maurício foi atingido por cinco tiros quando deixava a casa de uma pessoa que havia visitado, no Bairro Frimisa. De acordo com a PM, uma testemunha disse que Maurício Campos havia acabado de sair do imóvel quando foi baleado. Ele foi atingido por um disparo no pescoço e quatro nas costas.

Rosa foi levado pelos policiais até o Pronto-Atendimento do Bairro São Benedito, mas precisou ser transferido para o Hospital Risoleta Neves, em Venda Nova, onde morreu. O jornal O Grito é distribuído gratuitamente em Santa Luzia há mais de 20 anos, com notícias da região.

De acordo com o delegado César Matoso, responsável pelas investigações, a prefeita pagou R$ 20 mil pelo crime. O recurso teria sido retirado da Secretaria Municipal de Saúde, mas com nota emitida pela Secretaria Municipal de Educação como compra de mamão para a merenda escolar.

 

Fonte:http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2017/09/11/interna_gerais,899522/policia-aponta-prefeita-de-santa-luzia-como-mandante-de-assassinato-de.shtml

Começa júri popular de policial civil acusado de matar colega a tiros em Natal

Tibério Vinícius França foi preso em Pernambuco (Foto: Divulgação/PF)
Tibério Vinícius França foi preso em Pernambuco (Foto: Divulgação/PF)

O policial civil Tibério Vinicius Mendes de França, acusado de matar a tiros o colega Iriano Serafim Feitosa, crime ocorrido em fevereiro do ano passado na Zona Sul de Natal, está sendo julgado. O júri popular, que é presidido pela juíza Eliana Alves Marinho, começou na manhã desta segunda (11) no Tribunal do Júri do Fórum Miguel Seabra Fagundes, no bairro de Lagoa Nova, na Zona Sul da capital potiguar.

Segundo Tribunal de Justiça, o Ministério Público pede a condenação do policial pelos crimes de homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e impossibilidade de defesa da vítima) no caso de Iriano, e também por tentativa de homicídio (igualmente qualificado por motivo fútil e impossibilidade de defesa) contra a mulher de Iriano, a advogada Ana Paula da Silva Nelson, que também foi baleada. Ela, que estava no carro junto com o marido, foi socorrida e escapou do atentado ferida na perna esquerda e no tórax.

Advogada Ana Paula Nelson e o marido, o policial civil Iriano Feitosa, morto a tiros em fevereiro de 2016  (Foto: Ana Paula Nelson/Arquivo Pessoal)
Advogada Ana Paula Nelson e o marido, o policial civil Iriano Feitosa, morto a tiros em fevereiro de 2016 (Foto: Ana Paula Nelson/Arquivo Pessoal)

Veja o vídeo do crime:

 

Fonte: http://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/comeca-juri-popular-de-policial-civil-acusado-de-matar-colega-a-tiros-em-natal.ghtml