Author: Foto Repórter

Juiz federal acata pedido do MPF e Nuzman permanecerá preso

Presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB), Carlos Arthur Nuzman, chega a sede da Polícia Federal no Rio de Janeiro
Nuzman: procuradores também alertaram que Nuzman continuava a atuar em benefício próprio (Bruno Kelly/Reuters)

O juiz Marcelo Bretas, da 7.ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, acatou pedido do Ministério Público Federal (MPF) e converteu nesta segunda-feira a prisão temporária de Carlos Arthur Nuzman em prisão preventiva, quando não há prazo para terminar.

Bretas também determinou a prorrogação da prisão temporária de Leonardo Gryner, apontado como braço direito de Nuzman.

No pedido, o MPF destacou que “a ocultação do dinheiro ilícito produzido pela corrupção sistêmica” perduram até hoje.

Na deflagração da Operação Unfair Play, os procuradores apontaram para a ocultação de bens de Carlos Arthur Nuzman, incluindo 16 barras de ouro depositadas em um cofre na Suíça.

Os procuradores também alertaram que Carlos Arthur Nuzman continuava a atuar em benefício próprio, usando os instrumentos do Comitê Rio-2016, do qual também é presidente, bem como a sua influência sobre as pessoas que lá trabalham.

Eles citaram um e-mail do cartola datado de 25 de setembro deste ano – portanto, após deflagração da operação -, em que ele determinava “urgência” no pagamento do escritório Nelio Machado Advogados, que atua em sua defesa.

O pagamento solicitado era de R$ 5,5 milhões, mas o Estado apurou que a liberação do montante não foi autorizada por não passar pelas regras de governança do comitê. O Rio-2016 tem dívidas na casa dos R$ 100 milhões.

O MPF também pediu a prorrogação da prisão provisória de Leonardo Gryner, que também está preso desde a quinta-feira passada.

Ele é apontado pelos investigadores como “braço direito” de Carlos Arthur Nuzman e divide a cela com o dirigente na cadeia de Benfica, na zona norte do Rio, onde estão confinados os investigados na Operação Lava Jato.

 

Fonte: https://exame.abril.com.br/brasil/juiz-federal-acata-pedido-do-mpf-e-nuzman-permanecera-preso/

Imagens aéreas mostram comunidade destruída por incêndio em Natal

Do G1RN

Imagens aéreas mostras estrago provocado por incêndio em comunidade na Zona Oeste de Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)
Imagens aéreas mostras estrago provocado por incêndio em comunidade na Zona Oeste de Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

Imagens aéreas feitas por um drone mostram o estrago provocado pelo incêndio que atingiu a ocupação 8 de Março, no bairro Planalto, Zona Oeste de Natal. Noventa barracos foram completamente destruídos pelas chamas na quarta-feira (4), deixando várias famílias desabrigadas.

De acordo com o cabo Wilinton Santos, o fogo começou a se espalhar por volta das 11h15, logo após a explosão. A moradia atingida fica perto do terminal das linhas de ônibus 24 e 33.

As famílias que tiveram as moradias atingidas pelo incêndio foram alojadas no Caic Cidade Satélite, na Zona Sul, onde estão divididas em salas. Cada um dos cômodos abriga em média 12 pessoas.

Depois do incêndio, houve uma campanha em Natal, para arrecadar mantimentos e móveis para os desabrigados. Várias cestas básicas foram arrecadadas.

Uma equipe da Defensoria Pública irá nesta terça-feira (10) ao Caic para auxiliar os desabrigados a emitirem novas vias documentos queimados na quarta (4) dentro dos barracos.

Peritos seguem analisando o incêndio para descobrir as causas. A suspeita inicial é que um botijão tenha vazado e causado uma explosão de gás, mas a confirmação ainda depende de perícia.

Fonte: https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/imagens-aereas-mostram-comunidade-incendiada-em-natal.ghtml

Márcia sugere mutirão para recuperar documentos de vítimas do Leningrado

Em requerimento apresentado à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, a deputada estadual Márcia Maia (PSDB) solicitou a realização de um mutirão para emissão de documentos para as pessoas afetadas pelo incêndio no assentamento Santa Clara, parte do loteamento Leningrado, no bairro Planalto. O requerimento foi encaminhado ao governador Robinson Faria (PSD) e à titular da Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social, Julianne Faria.

“Muitos moradores não possuíam documentos e precisaram se cadastrar em programas, entrar em filas, receber visitas de assistentes sociais, até serem considerados aptos a participar do programa ‘Minha Casa Minha Vida’. Agora, com todos os documentos queimados, aquilo que mais assusta muitos dos moradores é ficar ainda mais distante dessa possibilidade”, justificou Márcia, referindo-se aos assentados que aguardam pelo imóvel.

O incêndio no assentamento deixou 108 desabrigados que perderam, além dos barracos onde moravam, pertences pessoais, incluindo documentos. Muitos deles aguardam a entrega de um imóvel no complexo habitacional no Guarapes, financiado pelo ‘Minha Casa Minha Vida’. A expectativa é que as famílias cadastradas sejam transferidas para a nova moradia até o final do ano.

Assessoria

Sem acesso à lei de ingresso, praças e oficiais da PM do RN protestam na sede do governo

Praças e oficiais do Rio Grande do Norte fazem protesto em frente à governadoria (Foto: Divulgação/ Associação de suboficiais da PM)

Oficiais e praças da Polícia Militar do Rio Grande do Norte realizaram um protesto, na manhã desta segunda-feira (9), em frente à sede do governo estadual, na Zona Sul da capital potiguar, para cobrar acesso ao projeto de lei encaminhado para a Assembleia Legislativa do RN mudando o modelo de ingresso na corporação. Pelo projeto, será exigido ensino superior completo para os praças, a partir dos próximos concursos.

A medida não vale para o edital que deve ser publicado até o final do mês, com mil vagas para praça. O governo informou semana passada que enviou o projeto de lei para a ALRN.

Os policiais são favoráveis à exigência de nível superior. Apesar de já ter a previsão disso no projeto de lei, eles reclamam que não tiveram acesso ao documento e, portanto, não sabem o que o texto enviado diz exatamente.

“Esse protesto já estava marcado há dois meses. Apesar do anúncio do governo, a gente não sabe se esse projeto foi mesmo enviado e se contempla as demandas da categoria”, afirma Eliabe Marques, presidente da associação dos sargentos e subtenentes da PM.

Até mesmo os comandantes dos batalhões da PM participaram da manifestação desta segunda. Outra pauta da categoria é o pagamento de retroativos de dezembro de 2015, abril, agosto e dezembro de 2016, além das promoções de abril e de agosto de 2017, que o estado estaria devendo.

Uma reunião foi marcada ainda para esta segunda-feira (9) com representantes do governo.

Do G1RN

 

Outubro Rosa: Assembleia homenageia profissionais e voluntários amigos do peito

 A assembleia Legislativa, por meio do mandato da deputada Cristiane Dantas (PCdoB) vai homenagear profissionais da saúde e voluntários amigos do peito durante a campanha do Outubro Rosa, de prevenção do câncer de mama. A solenidade acontecerá nesta terça-feira (10), às 9h30, no Plenário Clóvis Motta.

“É importante reconhecer a atuação desses profissionais e voluntários que se dedicam às mulheres que lutam contra o câncer de mama oferecendo orientação e apoio, como também abraçam a campanha do Outubro Rosa para a prevenção de novos casos”, ressalta Cristiane.

Entre os homenageados estão profissionais da mastologia, oncologia, cirurgia plástica, assistência social, enfermagem, além de voluntárias de grupos de apoio. O mastologista e presidente da Sociedade Brasileira de Mastologia no Rio Grande do Norte, Flávio Rocha, será o orador em nome dos homenageados.

Homenageados:

Daniella da Gama Dantas Coelho
Flávio Rocha Medeiros
Ivo Barreto de Medeiros
Karla Emerenciano
Lenilda Emerenciano
Maria do Socorro Azevedo Macedo
Maria José Paiva Soares
Tamara Simone Dias de Farias
Thalita Melo
Valéria Karlla Rocha Lima de Melo

Assessoria

Solene marca 300 anos de aparição da imagem de Nossa Senhora Aparecida

O aniversário de 300 anos de aparição da imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, a padroeira do Brasil, encontrada por três pescadores nas águas do Rio Paraíba do Sul, foi celebrado na manhã desta segunda-feira (9), em sessão solene na Assembleia Legislativa.  A solenidade, proposta pelo deputado Dison Lisboa (PSD), contou com a presença dos deputados Hermano Morais (PMDB) e Márcia Maia (PSB) e reuniu representantes da comunidade que compõem a Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida, em Neópolis, e autoridades religiosas do Estado.

“Quanta alegria sinto em conduzir essa singela homenagem. Cada um dos aqui presentes detém uma importante contribuição na promoção do amor a Nossa Senhora. O que faz com que este ato solene e a comemoração do jubileu de aparição da imagem milagrosa de Nossa Senhora Aparecida seja ainda mais tão especial”, destacou o deputado.

Dison Lisboa aproveitou a proximidade com a data de canonização dos 30 mártires de Cunhaú e Uruaçu e chamou atenção para a necessidade de uma estrutura para receber as pessoas que visitarão o estado após essa data tão simbólica para a fé católica. “A partir de agora, romeiros de várias partes do país e do mundo passarão a frequentar nosso estado. E temos que melhorar a estrutura destes locais para melhor receber os fiéis que passarão a nos visitar em busca do alcance de suas graças”, pontuou.

O padre Antônio Nunes de Araújo fez um paralelo entre o período quando a imagem foi encontrada – o Brasil do século 18 de forte desigualdade social – e o atual. “Hoje também vivemos tempos difíceis. Passamos por uma forte crise moral, política e econômica. Na apavorante expectativa de grandes acontecimentos. Que Maria seja inspiração para um novo tempo, assim como quando ela veio propor ao jovem Brasil do século 18, uma nova ordem quer permitisse a união do povo de forma fraterna, justa e livre. Onde o valor do homem não seja medido pelas suas posses e bens”, disse. Padre Nunes falou em nome dos 10 homenageados.

Homenagem
2017 é o ano em que se comemora o Jubileu de 300 anos de Nossa Senhora Aparecida, que teve sua imagem encontrada no ano de 1717 por pescadores do Rio Paraíba do Sul. O Ano Mariano tem seu início em 12 de outubro de 2016, findando em 11 de outubro de 2017. O Ano Mariano foi concedido a pedido da CNBB pelo Papa Francisco, e será dedicado a devoção e às comemorações em homenagem a Nossa Senhora Aparecida por todo o Brasil.

Homenageados
1.  Dom Matias Patrício de Macedo
2.  Dom Heitor de Araújo Sales
3.  Dom Jaime Vieira Rocha
4.  Padre Antônio Nunes de Araújo
5.  Pedro Romualdo Dawin
6.  Eneida Rodrigues Gurgel
7.  Marcos Bernardo Gomes
8.  Rose Mary Soares Diniz Gomes
9.  Tereza Assunção Queirós
10.   Monsenhor Armando de Paiva

 

Assessoria

Mais de 130 concursos abertos reúnem 15,9 mil vagas em todo o país

Ilustração

Pelo menos 136 concursos públicos no país estão com inscrições abertas nesta segunda-feira (9) e reúnem 15,9 mil vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 21.649 na Defensoria Pública de Pernambuco.

Além das vagas abertas, há concursos para formação de cadastro de reserva – ou seja, os candidatos aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso.

Veja os órgãos que abrem inscrições para 817 vagas nesta segunda:

Companhia de Transportes da Bahia (CTB)

A Companhia de Transportes da Bahia (CTB) divulgou edital de processo seletivo para 23 vagas em cargos de nível médio. Os salários vão de R$ 1.351,47 a R$ 1.806,76. As inscrições estarão abertas de 9 a 17 de outubro pelo site http://selecao.ba.gov.br. A seleção será feita por meio de análise curricular (veja o edital no site da CTB).

Correios

Os Correios divulgaram edital de concurso público para 88 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de níveis médio/ técnico e superior. Os salários vão de R$ 1.876,43 a R$ 4.903,05. As inscrições devem ser feitas de 9 a 20 de outubro pelo site www.iades.com.br. A prova está prevista para o dia 26 de novembro (veja a reportagem completa).

Prefeitura de Barra do Piraí (RJ)

A Prefeitura de Barra do Piraí (RJ) vai abrir processo seletivo para 55 vagas de nível médio. O salário é de R$ 1.215,56. Os candidatos podem se inscrever pelo site www.ibam-concursos.org.br entre os dias 9 de outubro e 5 de novembro. A prova objetiva está prevista para o dia 3 de dezembro (veja o edital no site da organizadora).

Prefeitura de Castelo (ES)

A Prefeitura de Castelo (ES) divulgou edital de processo seletivo para 33 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. As remunerações variam de R$ 662,33 a R$ 9.565,89. As inscrições podem ser feitas no período de 9 a 11 de outubro no Auditório do Centro Integrado de Atendimento à Mulher – CIAM, localizado na Avenida Nossa Senhora da Penha, 37, das 7h às 11h e das 13h às 15h30. A seleção será feita por meio de análise de títulos (veja o edital no site da prefeitura).

Prefeitura de Leoberto Leal (SC)

A Prefeitura de Leoberto Leal (SC) vai abrir processo seletivo para 15 vagas em cargos de níveis fundamental, médio e superior. Os salários vão de R$ 622,63 a R$ 1.880,98. As inscrições estarão abertas de 9 de outubro a 9 de novembro na secretaria da educação, no prédio da prefeitura, localizada na Rua Mainolvo Lehmkuhl, 20, das 13h30 às 18hh30. A prova será aplicada na data provável de 19 de novembro (veja o edital no site da prefeitura).

Prefeitura de Manfrinópolis (PR)

A Prefeitura de Manfrinópolis (PR) fará concurso público para 22 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. As remunerações vão de R$ 983,85 a R$ 7.882,61. Os candidatos podem se inscrever entre os dias 9 e 31 de outubro pelo site www.alfaumuarama.com.br/concursos. A provas estão previstas para o dia 19 de novembro (veja o edital no site organizadora).

Prefeituras de Passos (MG)

A Prefeituras de Passos (MG) divulgou edital de processo seletivo para 18 vagas em cargos de níveis fundamental, médio e superior. Os salários variam de R$ 1.030,70 a R$ 2.280,49. As inscrições podem ser feitas na Secretaria de Assistência Social, localizada na Avenida Arouca, 753, de 9 a 11 de outubro, das 8h às 17h. A seleção será feita por meio de análise de currículo e prova prática (veja o edital no site da prefeitura).

Prefeitura de Piracicaba (SP)

A Prefeitura de Piracicaba (SP) fará concurso público para 8 vagas em cargos de nível superior. As remunerações variam de R$ 3.937,91 a R$ 4.324,68. Os candidatos podem se inscrever de 9 a 23 de outubro pelo site www.dedalusconcursos.com.br. A prova objetiva será aplicada em 12 de novembro (veja o edital no site da organizadora).

Prefeitura de Sertânia (PE)

A Prefeitura de Sertânia (PE) vai abrir processo seletivo para 358 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários vão de R$ 937 a R$ 1.863,22. As inscrições podem ser feitas no Galpão na Antiga Estação de Trem, localizado na Praça Francisco Sales, s/nº, de 9 a 31 de outubro, das 8h às 12h. A seleção será feita por meio de análise curricular. A seleção terá validade de 1 ano e poderá ser prorrogada, uma vez, por igual período (veja o edital no site da prefeitura).

Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) divulgou edital de concurso público para 197 vagas técnico-administrativas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários vão de R$ 1.502,24 a R$ 3.396,43. As inscrições podem ser feitas pelo site http://cpcon.uepb.edu.br no período de 9 a 29 de outubro. As provas estão previstas para o dia 3 de dezembro (veja a reportagem completa).

Do G1RN

Homem é morto a tiros dentro de táxi na Zona Norte de Natal

PM fez o isolamento do local do crime após o homicídio (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Um homem foi morto a tiros dentro de um táxi na manhã desta segunda-feira (9) na Zona Norte de Natal. Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu na avenida Santarém, no bairro Nossa Senhora da Apresentação. A vítima ainda não foi identificada.

Ainda de acordo com a polícia, o crime aconteceu por volta das 9h na altura do conjunto Vale Dourado. O homem estava no banco do carona em um táxi de Extremoz, com cinto de segurança.

Ainda não há relatos oficiais de como o crime aconteceu.

 

Três mulheres, vítimas de violência, são mortas neste final de semana

Três mulheres de lugares distintos foram assassinadas, vítimas de violência no Brasil. Na verdade uma das mulheres é uma jovem médica de 26 anos de idade que foi encontrada morta em uma pousada. Há desconfiança de suicídio. Mas as investigações seguirão em busca de respostas. O que faria uma jovem de 26 anos, médica se matar?

Liliany Caetano morava em Montes Claros, MG, mas foi encontrada morta em Vitória da Conquista, BH. Tudo ainda em fase de investigação.

Médica é encontrada morta em pousada no sudoeste da Bahia (Foto: Reprodução/Facebook)
Médica é encontrada morta em pousada no sudoeste da Bahia (Foto: Reprodução/Facebook)

Uma segunda mulher foi vítima durante tentativa de assalto na Rodovia Presidente Dutra, zona Norte do Rio de Janeiro. Ângela Maria Ferreira da Cunha, de 27 anos, foi morta a tiros na noite desse sábado (7), e era técnica de enfermagem.

Técnica em enfermagem Ângela Maria Ferreira da Cunha, de 27 anos, é mais uma vítima da violência no Rio de Janeiro
Técnica em enfermagem Ângela Maria Ferreira da Cunha, de 27 anos, é mais uma vítima da violência no Rio de Janeiro/ Reprodução 

A terceira mulher foi morta pelo próprio marido, dentro do carro da própria polícia na qual ela deveria se sentir protegida. Os policias erraram em colocar o assassino junto de Laís Andrade Fonseca, que foi golpeada pelo companheiro quando se dirigia para fazer registro de violência sofrida pelo marido. Os dois estavam sendo conduzidos para a delegacia de Teófilo Otoni – quase 100 quilômetros de distância – no banco de trás de uma viatura da PM. Quando estavam próximos do perímetro urbano de Teófilo Otini, na BR-116, o homem atacou a ex-esposa com uma facada no pescoço. O caso aconteceu em Teófilo Otoni- MG.

(foto: Facebook/Reprodução)

 

Atendendo pleitos de Ezequiel Ferreira, Emater entrega veículos que vão beneficiar agricultores familiares

Neste domingo (8) segundo dia da Festa do Boi, o governador Robinson Faria através da Emater/RN fez a entrega de veículos e equipamentos para os escritórios da entidade, nas regiões: Seridó, Agreste, Trairi, Central, Metropolitana e Mato Grande. Reforçar as estruturas das unidades extensionistas que prestam serviços de assistência técnica e extensão rural para os agricultores familiares do Estado foi o objetivo do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), ter requerido estes carros e equipamentos que chegam agora às unidades da Emater.

“O setor primário é o que mais emprega e é quem tem contribuído para que o país supere o momento de crise econômica. Melhorar as estruturas da Emater lá na ponta significar auxiliar o homem do campo. Aproveito para parabenizar todos do agronegócio por se manterem pujante apesar destes seis anos de seca em nosso Estado”, discursou Ezequiel Ferreira, no Tattersal do Parque Aristófanes Fernandes, para mais de 600 agropecuaristas que lotaram o local.

O deputado solicitou os carros e equipamentos para Angicos, Bom Jesus, Boa Saúde, Coronel Ezequiel, Cruzeta, Currais Novos, Espírito Santo, Jardim do Seridó, Lajes, Lagoa Nova, Lagoa D´Anta, Maxaranguape, Macaíba, Nova Cruz, Ouro Branco, Serra Negra do Norte, Touros e Vera Cruz.

Sempre atento às reivindicações do homem do campo, Ezequiel Ferreira ouviu das comunidades agrárias em suas recentes visitas aos municípios do semiárido a necessidade de melhorias nas estruturas da Emater no interior do RN. Por isto, encaminhou ao Governo do RN a necessidade da aquisição de veículos e equipamentos que darão suporte às ações de Assistência Técnica e Extensão Rural no Rio Grande do Norte. “Presidente Ezequiel. Você tem sido na Assembleia Legislativa um parceiro do homem do campo e do governo Robinson. Muito do que está acontecendo aqui tem sua contribuição”, disse o governador do RN, Robinson Faria.

Foram entregues 30 automóveis tipo Gol, 10 veículos tipo Saveiro, um caminhão-baú para a sede, além de 13 aparelhos GPS, e 32 notebooks.
O investimento para essas aquisições foi de R$ 1.986.000,00, provenientes de três convênios com o governo federal, através da Secretaria Especial Da Agricultura Familiar (Sead), assinados com o governo do Estado do Rio Grande do Norte, através da Emater-RN.

Na mesma solenidade, também houve o lançamento do aplicativo Ceres Fruticultura, produzido pela equipe de Tecnologia da Informação da Emater-RN, em parceria com o Senar e a Universidade Potiguar. Voltado para o produtor rural, o aplicativo tem o objetivo de controlar a produção de frutas, inicialmente voltado para dispositivos Android. Esse será o segundo módulo de uma série, antecedido pelo Ceres Bovinocultura, lançado em agosto passado.

“Estas melhorias são importantes para a produção agropecuária do Rio Grande do Norte e também pelas condições precárias que o semiárido tem atravessado nos últimos 6 anos de seca. Precisamos de iniciativas para o convívio com o fenômeno da seca no Estado. E melhorar a infraestrutura das unidades extensionistas para usufruto do produtor rural é um dos caminhos”, justifica Ezequiel Ferreira que também é presidente do Comitê de Ações de Combate à Seca da Assembleia.

TSE PEDE INVESTIGAÇÃO SOBRE INTERFERÊNCIA DO CRIME ORGANIZADO NA POLÍTICA

Secom/TSE
Foto: Internet

 

Temendo a infiltração do crime organizado na política, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acionou órgãos de investigação do governo federal. Há preocupação com eleições em todo o país, mas a base do relatório enviado para a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e para a Polícia Federal foi o pleito de 2016. O relatório mostra a influência de facções criminosas e milícias em 19 zonas eleitorais de sete cidades, incluindo a capital. O crime, porém, já esticou seus tentáculos em outros estados como São Paulo, Amazonas e Maranhão, segundo o jornal O Globo.

O documento lista todos os candidatos eleitos nessas áreas, locais onde a realização das eleições só ocorre mediante reforço de policiamento e regiões com histórico de conflitos entre criminosos e forças de segurança. Essas regiões concentram 9% do eleitorado do Rio de Janeiro, cerca de 1,1 milhão de pessoas.

Em 2008, uma CPI da Assembleia Legislativa (Alerj) revelou a atuação das milícias na eleição de parlamentares. A investigação levou à perda de mandatos e prisão do ex-deputado estadual Natalino Guimarães e seus sobrinhos e ex-vereadores Jerônimo Guimarães Filho, o Jerominho, e Carminha Jerominho. Eles foram acusados pela CPI de integrarem o grupo que ficou conhecido como Liga da Justiça, grupo de milícias da Zona Oeste da cidade.

A promotora de Justiça Simone Sibílio, alerta para a união entre milicianos e traficantes – o crime organizado tem necessidade de cooptar o poder público para ampliar seus lucros. O temor da Justiça Eleitoral é que a criação do fundo eleitoral público e as doações de pessoas físicas criem condições adicionais para que o crime organizado financie candidaturas ou para que seus integrantes disputem cargos diretamente.

Há vestígios da infiltração do crime na política em outros estados do país. No Amazonas, a Operação La Muralha, que investigava o tráfico de drogas, levou à prisão o ex-vereador da cidade de Tonantins, Radson Alves de Souza. Um grupo cedia contas bancárias para fornecedores de drogas da fronteira do Brasil com a Colômbia lavarem dinheiro. Souza recebia 4% de todos os valores que passavam por suas contas. Ao todo, ele movimentou R$ 1,8 milhão, mais de R$ 820 mil somente em 2015.

Em São Paulo, maior colégio eleitoral do país, também já há, na avaliação do Ministério Público, políticos eleitos com o apoio do PCC. O caso mais notório seria do prefeito de Embu das Artes, Ney Santos (PRB), que é investigado por ligação com o tráfico de drogas e com o crime organizado. Ele só tomou posse após conseguir um habeas corpus no STF.

 

Fonte: https://www.brasil247.com/pt/247/brasil/321377/TSE-pede-investiga%C3%A7%C3%A3o-sobre-interfer%C3%AAncia-do-crime-organizado-na-pol%C3%ADtica.htm

Aprovação de Doria cai nove pontos em pesquisa Datafolha

Prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), durante entrevista à Reuters, dia 04/04/2017
Prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB) (Nacho Doce/Reuters)

A aprovação da administração do prefeito de São Paulo, João Doria, caiu nove pontos percentuais em pesquisa Datafolha divulgada neste domingo (08).

De quatro meses para cá, a avaliação de ótimo/bom foi de 41% para 32%, a de regular foi de 34% para 40% e a de ruim/péssimo foi de 22% para 26%.

É a primeira vez que a avaliação regular supera a positiva. A pesquisa ouviu 1.092 entrevistados nos dias 4 e 5 de outubro e tem margem de erro de três pontos para mais ou menos.

A mudança ocorre em meio a uma agenda intensa de viagens e articulações para uma possível candidatura ao Planalto em 2018, uma ideia rejeitada pelo eleitorado paulistano.

55% dos ouvidos não votariam de jeito nenhum no atual prefeito para presidente, 24% talvez o apoiariam e 18% votariam com certeza no tucano.

49% dos paulistanos acham que as viagens pelo país trazem mais prejuízos do que benefícios à cidade enquanto 35% dizem o contrário.

 

Fonte: https://exame.abril.com.br/brasil/aprovacao-de-doria-cai-nove-pontos-em-pesquisa-datafolha/

Mulher foragida há 21 anos no Brasil fazia saques mensais em banco

Lúcia de Fátima Dutra Weisz, de 61 anos, conhecida como
Lúcia de Fátima Dutra Weisz, de 61 anos, conhecida como “Viúva Negra” (Foto: Polícia Civil)

O monitoramento de saques mensais realizados por Lúcia de Fátima Dutra Weisz, de 61 anos, conhecida como “Viúva Negra”, contribuiu para que a Polícia Civil conseguisse prendê-la após 21 anos foragida. Ela era a mulher há mais tempo procurada no Brasil, segundo a corporação, e uma das suspeitas é de que o dinheiro tinha origem em pensão que deveria ser destinada ao filho.

Segundo o Departamento de Polícia Judiciária (Deinter-2), em Campinas (SP), a hipótese ainda será verificada nas apurações, com apoio de investigadores no Paraná, e deve ser relatada ao Judiciário.

Um dos policiais responsáveis pela prisão de Lúcia em Ponta Grossa (PR), na quinta-feira (5), é o mesmo que a encontrou depois do crime pela qual foi condenada a 14 anos de prisão – homicídio qualificado do marido, em Americana (SP). Nesta sexta-feira (6), ela foi apresentada à Delegacia Antissequestro de Campinas, onde prestou depoimento, e na sequência foi levada para uma cadeia no estado. A “Viúva Negra” era procurada desde 1995, quando escapou da cadeia de Sumaré.

Do Blog: A possibilidade de essa mulher ficar presa é mínima, mesmo sendo acusada de matar o marido. Ela ficou mais de 20 anos foragida da justiça e policia. Aí o crime de acordo com o Código Penal, prescreveu. Visto que o tempo de prescrição para homicídio é de 20 anos. Mesmo assim, ela pode ficar presa por receber dinheiro indevido. Mas isso será por pouco tempo, já que só responderá por delitos menores.

Fonte: https://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/mulher-foragida-ha-mais-tempo-no-brasil-fazia-saques-mensais-diz-policia.ghtml

Temer sanciona com vetos reforma política aprovada por Câmara e Senado

Resultado de imagem para temer
Foto: Internet

O presidente Michel Temer sancionou com vetos, nesta sexta-feira (6), os projetos de reforma política aprovados nesta semana por Câmara e Senado.

Conforme o Palácio do Planalto, o presidente sancionou a criação do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), que ficou conhecido no Congresso como “fundão” e terá R$ 1,7 bilhão estimados para financiar as candidaturas.

A sanção e os vetos serão publicados em edição extra do “Diário Oficial da União”.

Dentre os dispositivos vetados por Temer estão:

  • o que permitia a retirada da internet de publicações anônimas com informações falsas ou discurso de ódio até que o autor fosse identificado, considerado “censura” por entidades da imprensa.
  • o artigo da reforma que provocou divergências sobre a extinção ou não do autofinanciamento dos candidatos. Especialista em direito eleitoral, Antônio Augusto Mayer dos Santos explicou ao G1 que o veto do presidente manteve a permissão do autofinanciamento dos candidatos nas campanhas. “Com o veto, o presidente mantém a possibilidade de o candidato se autofinanciar, desde que ele obedeça o novo limite fixado em lei (veja mais abaixo) para o cargo em disputa”, afirmou.
  • o novo limite da doação de pessoa física. O texto da reforma previa que o valor não poderia ultrapassar 10% do rendimento bruto declarado pelo doador no ano anterior à eleição com um teto de 10 salários mínimos (R$ 9.690 em 2018). Com o veto, fica a regra que estabelecia como limite para doação de pessoa física apenas os 10% dos rendimentos brutos declarados no ano anterior à eleição – para 2018, serão os de 2017. Não existe a barreira dos 10 salários mínimos. “A declaração do IR é o parâmetro para o limite de doação da pessoa física”, explica Antônio Augusto.

Limite de gastos

O presidente manteve as novas previsões de limites de gastos das campanhas definidas pelos parlamentares. Também foi mantido o fundo eleitoral com dinheiro público para financiamento de campanhas.

A reforma política estabeleceu limites de gastos para as campanhas, que deverão levar em consideração doações e recursos do fundo eleitoral:

  • Presidente: total de R$ 70 milhões para toda a campanha. E metade deste valor será o teto do 2º turno, se houver.
  • Governador: valores totais variam de R$ 2,8 milhões até R$ 21 milhões, de acordo com o número de eleitores do estado. O teto para 2º turno será a metade desses valores.
  • Senador: de R$ 2,5 milhões a R$ 5,6 milhões, de acordo com o número de eleitores do estado.
  • Deputado federal: R$ 2,5 milhões, independentemente do estado.
  • Deputado estadual: R$ 1 milhão, independentemente do estado.

Depois de meses de negociações no Congresso, as novas regras foram sancionadas no limite do prazo, já que este sábado (7) é o último dia para que alterações na legislação eleitoral tenham validade nas eleições de 2018.

Os projetos sancionados por Temer estabelecem, entre outros pontos, limites de custos de campanha, além de regulamentar a distribuição do recém criado fundo eleitoral.

Temer, conforme apurou o G1, vinha discutindo desde quinta-feira com auxiliares da equipe jurídica e políticos da base aliada os pontos a serem sancionados e vetados na reforma.

Censura

Nesta sexta, a assessoria do Palácio do Planalto já havia anunciado que o presidente havia decidido vetar uma emenda classificada como “censura” por entidades de meios de comunicação.

A emenda exigia que os provedores de aplicativos e redes sociais fossem obrigados a suspender publicação quando for denunciada informação falsa ou discurso de ódio até que o autor seja identificado. A publicação seria liberada depois de confirmado de que se tratava de um usuário real.

Autor do texto, o deputado Áureo (SD-RJ) informou que pediu para Temer vetar a proposta, que foi “mal-interpretada”, segundo o parlamentar.

Fundo eleitoral

O presidente também manteve no texto a criação e as regras para a distribuição do fundo eleitoral, elaborado pelos parlamentares para financiar as campanhas, e que deve ser composto por mais de R$ 1,7 bilhão. O fundo será composto por recursos públicos, e será dividido da seguinte forma:

  • 2% igualmente entre todos os partidos;
  • 35% entre os partidos com pelo menos um representante na Câmara dos Deputados, proporcionalmente aos votos obtidos por eles na última eleição para a Câmara dos Deputados;
  • 48% entre os partidos na proporção do número de deputados na Câmara em 28 de agosto de 2017;
  • 15% entre os partidos na proporção do número de senadores em 28 de agosto de 2017.

Cláusula de barreira

Também faz parte da reforma política uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) promulgada pelo Congresso e que estipula uma cláusula de barreira e o fim das coligações a partir de 2020.

Por se tratar de uma PEC, não passou pela sanção presidencial.

Fonte: https://g1.globo.com/politica/noticia/temer-sanciona-com-vetos-reforma-politica-aprovada-por-camara-e-senado.ghtml

Aprovado pela Assembleia, “Transporte Cidadão” é lançado com presença de deputados em Natal

Aprovado por unanimidade pela Assembleia Legislativa, o programa “Transporte Cidadão” foi oficialmente lançado oficialmente pelo Governo do Estado, nesta sexta-feira (6), no estacionamento da Arena das Dunas, em Natal. O presidente da Casa, deputado estadual Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), participou do evento, onde ressaltou as melhorias dadas pelo legislativo estadual à iniciativa, como a possibilidade dos acompanhantes dos pacientes terem acesso ao serviço.

“O Governo e a Assembleia cumprem seu papel de cuidar das pessoas. Com essa inciativa, tem-se a promoção de cidadania para a população. A Casa aprovou e melhorou o programa,  por meio de emenda parlamentar, permitindo que os pacientes possam levar pelo menos um acompanhante nos ônibus que serão disponibilizadas a pessoas com doenças crônicas ou com deficiência”, explicou o presidente Ezequiel Ferreira sobre a participação do legislativo estadual no programa.

O “Transporte Cidadão” vai oferecer transporte gratuito a pacientes da Grande Natal para assegurar o acesso a serviços públicos de saúde na capital. Serão disponibilizadas 10 linhas de ônibus, com saída às 5h e retorno às 17h, beneficiando 13 municípios: Maxaranguape, Extremoz, Ceará-Mirim, São Gonçalo do Amarante, Ielmo Marinho, Macaíba, Vera Cruz, Parnamirim, Monte Alegre, Nídia Floresta, São José do Mipibu, Arês e Goianinha.

Os itinerários foram pensados para levar os usuários para Centrais do Cidadão, Hospital Walfredo Gurgel, Liga Norte Rio-grandense Contra o Câncer, Hospital Giselda Trigueiro, Maternidade Escola Januário Ciccco e Hospital Universitário Onofre Lopes. Desempregados, gestantes, idosos e pessoas carentes também têm direito a usar os ônibus.

“Essa é uma iniciativa muito importante para o Rio Grande do Norte. Vamos beneficiar, a princípio, 10 mil pessoas, mas nossa ideia é ampliar gradativamente e estender o serviço a outros municípios do interior. O “Transporte Cidadão’ é autossustentável e será pago com recursos de outros programas sociais, o Café Cidadão e o Restaurante Popular. O custo inicial do serviço é de R$ 190 mil por mês.

A Assembleia Legislativa também esteve representada pelos deputados estaduais Galeno Torquato (PSD), José Adécio (DEM), Jacó Jácome (PSD) e Disson Lisboa (PSD). A Lei de número 10.092, que instituiu o programa, foi aprovada pela Casa em agosto de 2016, com a consonância de todo o plenário. O “Transporte Cidadão” começa a funcionar efetivamente nesta segunda-feira (9).