Author: Foto Repórter

Promotor intima Lula e Marisa para depor sobre triplex

173736
Marisa e Lula irão depor como investigados
Condomínio Solaris, no Guarujá, sob investigação na Lava Jato (Foto: solaris, guarujá)

O promotor de Justiça de São Paulo Cássio Conserino intimou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua mulher Marisa Letícia para depor em investigação sobre um apartamento triplex no Guarujá, no litoral do estado. O depoimento está marcado para o dia 17 de fevereiro, no Fórum da Barra Funda, na capital, e será a primeira vez que Lula e Marisa vão depor como investigados.

O ex-presidente da OAS José Adelmário Pinheiro, conhecido como Léo Pinheiro, também será ouvido. Ele já foi condenado a 16 anos na Operação Lava Jato, recorreu e responde em liberdade.

A investigação do Ministério Público de São Paulo, no entanto, é independente da Lava Jato. O promotor Cássio Conserino investiga a transferência de prédios inacabados da Bancoop – cooperativa do sindicato dos bancários que se tornou insolvente – para outras empresas, entre elas a OAS, envolvida no esquema de corrupção da Petrobras.

O MP-SP apura a suspeita de que o ex-presidente Lula tenha ocultado ser o dono do triplex 164-A, de 297 m², que fica no Condomínio Solaris, na praia de Astúrias.

Ao Jornal Nacional, o promotor afirmou que há indícios de que houve tentativa de esconder a verdadeira identidade do dono do triplex. E essa seria uma forma de encobrir o crime de lavagem de dinheiro.

Os promotores paulistas suspeitam que a empreiteira OAS, que assumiu a obra com a falência da Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo (Bancoop), reservou o imóvel para o ex-presidente Lula e sua família.

Do G1

Assembleia Legislativa do RN retoma atividades parlamentares nesta segunda-feira

Crédito da foto: Eduardo Maia
Crédito da foto: Eduardo Maia

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte inicia na próxima segunda-feira,  dia 2 de fevereiro, às 9h, os trabalhos legislativos para o ano de 2016, após o recesso regimental da Casa. O retorno das atividades parlamentares acontece por meio de Sessão Solene de instalação dos trabalhos da 2ª Sessão Legislativa da 61ª Legislatura, oportunidade em que o presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira (PMDB) passará em revista as tropas da Polícia Militar, em frente à sede do Legislativo.

O ato formal será seguido da leitura da mensagem anual do Executivo, pelo governador Robinson Faria (PSD). A novidade fica por conta da execução do Hino Nacional e do Rio Grande do Norte ao vivo. Naipe de metais da banda de música da Polícia Militar do Estado ficará responsável pela execução dos hinos.

Após a solenidade de instalação dos trabalhos, as sessões ordinárias e solenes, audiências públicas e comissões parlamentares da Assembleia Legislativa voltam a funcionar normalmente de acordo com o horário regimental e os serviços administrativos voltam a funcionar como de costume

Presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira terá hoje reuniões com diversos grupos do PSB do RN

carlossiqueira

O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, terá hoje uma extensa agenda política em Natal. Ele conversará, individualmente, com cada um dos grupos formados dentro do partido: a vice-prefeita Wilma de Faria, o deputado federal Rafael Motta, a ex-deputada federal Sandra Rosado e os vereadores da bancada do PSB.

Serão conversas isoladas que têm um objetivo: tentar unir o PSB em torno do nome do deputado Rafael Motta, que assumirá a presidência estadual do partido.

Fonte: Anna Ruth

Investigação de chacina que vitimou cinco mulheres no RN tem reviravolta

Patrícia Regina Nunes (dona do estabelecimento), Cássia Rayane Santiago Silva, Maria Daiane Batista e Antônia Francisca Bezerra Vicente são quatro das cinco vítimas (Foto: Divulgação/PM)
Patrícia Regina Nunes (dona do estabelecimento), Cássia Rayane Santiago Silva, Maria Daiane Batista e Antônia Francisca Bezerra Vicente são quatro das cinco vítimas (Foto: Divulgação/PM)

Pai de três filhos, Francisco de Assis mora em Macaíba, cidade da Grande Natal, onde vive com a companheira há 17 anos. Disse que está sem trabalho e que desde agosto, quando deixou a cadeia, tem vergonha de sair de casa e encarar a sociedade. “Para provar que eu não tenho nada a ver, minha esposa vendeu a casa. Vergonha”, contou.

Em depoimento à Polícia Civil de Macaíba, logo após a chacina, a irmã de Francisco disse que ele era sócio do prostíbulo. Lá, segundo a mulher, ele fornecia bebidas e cigarros para as garotas de programa. Hoje, a polícia acredita que ela mentiu. “Na minha concepção, a irmã dele criou uma história. Depois que ela prestou o depoimento, nós achamos por bem pedir a prisão temporária de Francisco. Durante esses 30 dias, nós não encontramos nenhum elemento que viesse a colocar ele na cena da chacina”, disse o delegado Normando Feitosa.

Para a defesa de Francisco, o pedido de prisão temporária na época do crime foi precoce porque não havia elementos suficientes para incriminá-lo. “Demandaria um pouco mais de apuração de indícios para a decretação da prisão temporária. Se esses indícios tivessem sido suficientes para o requerimento da prisão, mas que ela durou além do prazo razoável porque não houve evolução e confirmação daqueles fatos no continuar das investigações”, disse o advogado Arsênio Pimentel.

Normando não concorda que tenha agido de forma precipitada. “Não houve precipitação, porque diante daquela situação, se eu deixasse de pedir a temporária ou qualquer medida cautelar, eu estaria em uma situação delicada”, rebateu o delegado.

Agora, nem a polícia nem a família sabem o paradeiro da mulher, que pode responder judicialmente pelo que fez. “Falso testemunho. Se for comprovado que ela inventou toda a situação, acusando seu irmão indevidamente, ela vai pagar pelo que fez”, afirmou Normando Feitosa.

Do G1

 

Barbosa diz que há demanda para crédito no país

Ministro da Fazenda: Barbosa ainda defendeu que, na medida que a inflação cair, a economia se estabilizar e a confiança aumentar, o País vai retomar o crescimento
Ministro da Fazenda: Barbosa ainda defendeu que, na medida que a inflação cair, a economia se estabilizar e a confiança aumentar, o País vai retomar o crescimento

Brasília – O ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, afirmou que há demanda por crédito no Brasil, mas que é preciso usar melhor recursos que já estão disponíveis para atender este público.

“Temos o desafio de normalizar o crédito no País para que possamos estabilizar e equilibrar a economia mais rapidamente”, defendeu o ministro, após participar da reunião que retomou o Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), o Conselhão.

Segundo ele, essas medidas serão adotadas sem gerar custo para o contribuinte. Ele listou sete medidas que, juntas, teriam potencial de injetar R$ 83 bilhões na economia.

Barbosa afirmou que serão R$ 10 bilhões de crédito rural, via Banco do Brasil; R$ 10 bilhões para crédito habitacional, via FGTS; R$ 22 bilhões para infraestrutura (FGTS); R$ 5 bilhões para capital de giro para pequenas e médias empresas pelo BNDES; R$ 4 bilhões para exportações nas linhas de pré-embarque; R$ 15 bilhões com operações de refinanciamento do Finame e do PSI; e R$ 17 bilhões com operações de crédito consignado que usem os recursos do FGTS como garantia.

O ministro, no entanto, não detalhou essas operações. Segundo ele, os bancos envolvidos vão explicar as condições nos próximos dias.

“Vamos autorizar que trabalhadores possam usar recursos do FGTS como garantias para operações de crédito. Hoje você tem recursos que podem ser usados para reduzir taxas de juros. Temos de usar eles de forma mais eficiente”, defendeu.

“Isso pode diminuir taxa de juros nessas operações. O ministro Jaques Wagner já estabeleceu divisão de grupos de trabalho nos principais temas”, afirmou.

No caso das operações consignadas envolvendo o FGTS, elas ainda terão de ser aprovadas pelo Congresso e reguladas pelo Conselho Curador do FGTS e pelo Conselho Monetário Nacional (CMN).

Barbosa ainda defendeu que, na medida que a inflação cair, a economia se estabilizar e a confiança aumentar, o País vai retomar o crescimento.

“Nesse processo são tomadas todas as precauções para que não se leve a endividamento das famílias. Serão estabelecidos controles. Nós temos uma regulação bancária bem conservadora e prudencial para não estimular o superendividamento”, argumentou.

“Estamos apresentado proposta ao Conselhão e depois será apresentada ao Congresso. Seguimos mesmo processo do crédito consignado lá atrás”, disse.

Segundo ele, essas medidas serão feitas com as linhas de juros já existentes. Barbosa relatou que as taxas de capital de giro serão reduzidas pelo BNDES, que vai aumentar o peso da TJLP no funding dessas operações.

“Os detalhes vão ser divulgados pelos bancos nos próximos dias. No caso do crédito consignado, como falei, estamos em fase inicial e esperamos que isso cause redução nos juros”, disse.

Exame.Abril

Perto do Rio 2016, halterofilista paralímpico morre em Natal

Por GloboEsporte.com Natal

Joseano Felipe sofre infarto e morre em Natal (Foto: Fernando Maia/MPIX/CPB)
Joseano Felipe sofre infarto e morre em Natal (Foto: Fernando Maia/MPIX/CPB)

O esporte paralímpico do Brasil está de luto. Morreu nesta quinta-feira o halterofilista Joseano Felipe. Ele sofreu um infarto em casa durante a madrugada. A informação foi confirmada pelo filho e treinador, Felipe Michel.

Com a medalha de ouro conquistada durante a etapa da Copa do Mundo de Halterofilismo no Rio de Janeiro, no último sábado, o atleta de 42 anos havia garantido um lugar dentro da zona de classificação para as Paralimpíadas de 2016.

No currículo, Joseano também tinha o título de campeão das Américas no México, no ano passado, e o ouro no Parapan de Toronto na categoria até 107kg. Também era o recordista das Américas e saiu de 180kg para 210kg.

Paraibano, mas criado em Natal, Joseano era integrante do Batalhão de Operações Policiais Especiais da Polícia Militar do Rio Grande do Norte. Em 2000, foi baleado na coluna durante ação para evitar a fuga de Valdetário Carneiro – lendário assaltante de bancos da região -, em uma rebelião na Penitenciária de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na Grande Natal. Joseano se tornou cadeirante e entrou em depressão. Começou a fazer hidroginástica como terapia e depois conheceu o halterofilismo. Na primeira competição, em 2005, já foi vice-campeão, e passou a figurar entre os melhores do Brasil.

O velório de Joseano Felipe acontece na Funerária Sempre Alecrim, a partir das 17h (horário local). O sepultamento será nesta sexta-feira, às 11h, no Cemitério Parque da Passagem.

Trio arromba cofre de armamento em agência da Caixa na Zona Sul de Natal

Agência alvo dos criminosos fica na Av. Ayrton Senna, na Zona Sul de Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)
Agência alvo dos criminosos fica na Av. Ayrton Senna, na Zona Sul de Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

Criminosos arrombaram o cofre de armamento da agência da Caixa Econômica Federal da Av. Ayrton Senna, na Zona Sul de Natal. De acordo com a Polícia Federal, os criminosos quebraram uma janela e invadiram o estabelecimento na madrugada desta quinta-feira (28).

Ainda segundo a PF, três homens participaram do crime. “Não sabemos quantas armas eles levaram. Mas, se foram armas usadas pela vigilância da agência, foram revólveres, pois são o tipo de armamento que a segurança tem autorização para usar”, ressaltou o delegado Rubens França.

O trio ainda tentou arrombar um cofre com dinheiro, mas não conseguiu.

G1

Notificações de casos de dengue em Natal caem 79% em janeiro

Secretaria Municipal de Saúde diz que vai continuar ações de combate ao Aedes Aegypit (Foto: Divulgação/Prefeitura de Natal)
Secretaria Municipal de Saúde diz que vai continuar ações de combate ao Aedes Aegypit (Foto: Divulgação/Prefeitura de Natal)

O número de notificações de casos de dengue em Natal teve uma redução de 79% em janeiro de 2016 em relação ao mesmo período do ano passado. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) notificou 133 casos de dengue nas três primeiras semanas de janeiro de 2016. No mesmo período do ano passado foram notificados 646 casos da doença.

Na quarta-feira (27), o Gabinete de Gerenciamento de Crise de Combate ao Aedes aegypti se reuniu no Departamento de Vigilância em Saúde (DVS) da Secretaria Municipal de Saúde de Natal para discutir e avaliar as ações que estão sendo realizadas nos bairros de Mãe Luiza e Potengi, bem como apresentar os dados mais atualizados da dengue em Natal.

O boletim epidemiológico aponta que até a terceira semana já foram notificados 133 casos de dengue, com destaque para os Distritos Sanitários Norte II, com 67 casos notificados, e o Leste, com 33. “Isso já é o resultado do trabalho que estamos desenvolvendo desde o final do ano passado, quando começamos a implantar o Vigiadengue, a nova metodologia de monitoramento e combate ao Aedes aegypti. Estamos animados com os resultados alcançados em Igapó e Nossa Senhora da Apresentação. Isso mostra que estamos no caminho certo. Mas não significa que vamos relaxar, pelo contrário, vamos intensificar para que continuemos com a tendência de queda, principalmente naquelas áreas mais críticas identificadas pelo Vigiadengue”, ressaltou Alessandre Medeiros.

No Distrito Sanitário Leste, Mãe Luiza está recebendo as ações da força-tarefa de combate ao vetor por apresentar grande densidade vetorial e por já apresentar 12 casos este ano. Já no Distrito Sanitário Norte II, apesar dos 67 casos já notificados, percebe-se uma tendência de queda nas notificações da dengue, embora ainda haja uma grande densidade vetorial na região. Igapó, que estava em situação crítica, apresentou só um caso notificado da doença e está em queda há cinco semanas. Em Nossa Senhora da Apresentação, foram 42 casos notificados, mas com uma tendência de queda registrada pela segunda semana consecutiva. O Distrito Sanitário Oeste tem preocupado a SMS pela alta densidade vetorial.

G1

Tarifa de ônibus sobe para R$ 2,90 neste domingo em Natal

Tarifa será reajustada no domingo (31)
Tarifa será reajustada no domingo (31)

A tarifa de ônibus em Natal será reajustada de R$ 2,65 para R$ 2,90 a partir do próximo domingo (31). O valor foi definido na reunião do Conselho Municipal de Transporte e Mobilidade Urbana (CMTMU) nesta quinta-feira (28) e confirmado pelo prefeito Carlos Eduardo. O novo valor representa um aumento de 9,14% .

A meia-passagem, paga pelos estudantes, passa a ter o valor de R$ 1,45 e a tarifa da linha Norte Fácil (600 – Parque dos Coqueiros/Partage Norte Shopping) passa para R$ 2,20. Já a tarifa social, cobrada nos feriados, passa para R$ 1,45.

O Sindicado das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município do Natal (Seturn), propôs uma tarifa de R$ 3,20, mas este valor não chegou a entrar em votação devido a aprovação da tarifa de R$ 2,90 por 16 votos a 2.

Segundo Elequicina dos Santos, secretária de Mobilidade Urbana da capital e presidente do CMTMU, o reajuste é necessário para manter o equilíbrio econômico do sistema. “Houve aumento de vários insumos utilizados pelo sistema de transporte, como o óleo diesel. Se o valor da tarifa não fosse aumentado, a população seria prejudicada”, afirmou.

Contrapartidas
Como contrapartidas para o aumento, as empresas de ônibus terão que substituir 70 ônibus antigos por novos, reforma de 56 abrigos especiais, implantação de wi-fi nas estações de transferência e em 5% dos ônibus, a disponibilização de aplicativo gratuito para informar a previsão de horário do ônibus, modificar o itinerário da linha 10/29 (Nova Natal/Nova Descoberta, via Campus) para atender o conjunto Cidade Praia, a volta dos micro-ônibus das linhas 54 (Rocas/Ponta Negra, via Alecrim) e 56 (Rocas/Ponta Negra, via Via Costeira) para a Vila de Ponta Negra e a modificação do itinerário da linha 84 (Soledade II/Petrópolis, via Ponte Newton Navarro) para atender os conjuntos Pajuçara I e II.

Histórico
O último reajuste na tarifa do transporte público de Natal ocorreu em 20 de julho de 2015, quando o valor subiu de R$ 2,35 para R$ 2,65. Um aumento de 12,7%. Como contrapartidas, foi exigido a substituição de 30 ônibus antigos por novos, implantação da linha 64A, implantação das máquinas leitoras dos cartões nas Estações de Transferência, acréscimo de um veículo nas linhas 588 (Circular UFRN) e 599 (Guarapes/Mirassol, via Rodoviária) e extensão da linha 48 (Santos Reis/Nova Descoberta, via Alecrim) até o Campus da UFRN. Todas as condições foram cumpridas pelas empresas.

G1

Petrobras anuncia corte de pelo menos 30% de funções gerenciais

Jornal do Brasil – O Conselho de Administração da Petrobras aprovou, em reunião realizada nesta quarta-feira (27), uma nova estrutura organizacional e um novo modelo de gestão e governança da companhia, que deve garantir maior celeridade e controle à estatal. As mudanças devem significar uma redução de custos de até R$ 1,8 bilhão por ano. Em coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira (28), a companhia destacou o corte de pelo menos 30% do número de funções gerenciais em áreas não operacionais, entre outras mudanças.

petrobras

A reestruturação envolve a redistribuição de atividades, a fusão de áreas e a revisão do modelo decisório. Um dos objetivos centrais é ampliar mecanismos de controle e conformidade e elevar a performance do gerenciamento dos projetos, com menores custos e cumprimento dos prazos.

“É um passo muito importante para a companhia, não só para o presente, mas notadamente para o futuro da companhia”, disse o presidente da estatal, Aldemir Bendine, à imprensa. “Chegamos a um modelo que eu julgo que é algo revolucionário para a empresa”.

Bendine ressalta que estatal conseguiu se adaptar a situação negativa com barril de Brent a US$ 30
Bendine ressalta que estatal conseguiu se adaptar a situação negativa com barril de Brent a US$ 30

A companhia possui cerca de 7,5 mil funções gerenciais aprovadas, das quais 5,3 mil estão em áreas não operacionais. De acordo com o presidente da companhia, Aldemir Bendine, as mudanças já passaram a valer com a aprovação do Conselho na véspera, e o segundo passo agora é a designação de executivos que vão tocar o novo projeto. Bendine informou ainda que a ideia é que em 30 dias a primeira fase da mudança esteja estabelecida.

Os efeitos da nova estrutura, disse Bendine, devem ser bem pequenos no primeiro trimestre deste ano, mas devem se aplicar “gradualmente”.

“O resultado operacional da companhia teve um grande avanço no ano de 2015, a companhia está respondendo muito bem a tudo aquilo que ela imaginou”, garantiu o presidente da estatal, chamando a atenção para o fato de que a Petrobras soube se adaptar à queda brusca nos preços do barril de Brent, que chegou a US$ 30 enquanto em 2014 era cotada em torno dos US$ 100, em um momento de crise global no setor.

“O barril de Brent a US$ 30 preocupa? Lógico. Mas a companhia não se baliza a Brent a US$ 30, ela tem que olhar para o planejamento de longo prazo e saber ter eficiência nos projetos”, ressaltou Bendine. “O que a gente busca, acima de tudo, é, primeiro, a preservação da competência técnica da Petrobras, que é inegável.”

A reformulação é parte da resposta da empresa à nova realidade do setor de óleo e gás, que tem levado a Petrobras a priorizar atividades mais rentáveis, em busca de maior competitividade. Ela entra em sintonia com o estabelecido pelo Plano de Negócios 2015-2019, cujas metas fundamentais são a  geração de valor e a desalavancagem, e ainda ampliar o esforço para fortalecer mecanismos de controle, conformidade e transparência.

Fases das mudanças na estrutura

A Petrobras declarou que a primeira fase da reestruturação vai gerar a redução de 14 funções na alta administração. O número de diretorias vai cair de sete para seis com a junção das diretorias de Abastecimento e Gás e Energia. Já o total de funções gerenciais ligadas diretamente ao Conselho de Administração, ao presidente e aos diretores será reduzido de 54 para 41.

A segunda fase, prevista para fevereiro, vai abranger as demais funções do corpo gerencial. As nomeações e a alocação de equipes vão ocorrer a partir de março.

Responsabilização e conformidade

A estatal vai criar seis Comitês Técnicos Estatutários, compostos por gerentes executivos que terão a função de analisar previamente e emitir recomendações sobre os temas a serem deliberados pelos diretores, que serão corresponsáveis nos processos decisórios. Os atos desses comitês estarão sujeitos à fiscalização da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Para a designação de gerentes executivos, haverá novos critérios de análise de integridade e de capacitação técnica e de gestão. Além disso, caberá ao Conselho de Administração aprovar as nomeações e desligamento para estas funções.

Ao reforçar o compromisso com a conformidade às regras, a reestruturação prevê mudanças nos controles internos de contratações e investimentos. As atividades de contratação de bens e serviços serão concentradas na nova Diretoria de Recursos Humanos, SMS e Serviços.

A execução dos projetos de investimento será centralizada na nova Diretoria de Desenvolvimento da Produção & Tecnologia (DP&T). Essa nova estrutura concentrará a gestão e as competências técnicas de implantação de empreendimentos.

As contratações para projetos de investimentos envolverão, como regra, três diretorias: a diretoria demandante, que concebe o projeto técnico básico; a DP&T, que desenvolve o projeto; e a Diretoria de RH, SMS e Serviços, que licita e contrata bens e serviços. O redesenho do processo de contratação de projetos e serviços evita a concentração excessiva no processo decisório.

Para aumentar a rentabilidade dos negócios, o novo modelo promove a fusão de áreas para melhor aproveitamento das sinergias entre elas. Desta forma, Abastecimento e Gás & Energia passarão a compor a Diretoria de Refino e Gás Natural.

A Diretoria de Exploração e Produção será organizada por classes de ativos, com a criação de estruturas para Águas Profundas, Águas Ultraprofundas, Terrestre e Águas Rasas, para melhor gestão do valor agregado pelos ativos e otimização da produção de óleo e gás.

As mudanças que resultam em alterações no Estatuto Social da Petrobras serão submetidas à aprovação da Assembleia Geral de Acionistas que ainda será convocada. Há 40 grupos de trabalho detalhando e debatendo o novo modelo que será submetido ao Conselho.

TV Assembleia se renova e oferece mais conteúdo em 2016

unnamed

Revelando histórias, lançando novos olhares sobre o Rio Grande do Norte, descortinando horizontes do litoral ao sertão. A TV Assembleia, um canal genuinamente potiguar, há doze anos chegou na casa dos norte-riograndenses e vai muito além da cobertura dos trabalhos legislativos, levando diariamente mais informação, lazer e cultura com extrema qualidade e profissionalismo.

Novos programas estrearam em 2015 renovando a grade de programação do canal legislativo, que em breve será transmitido para mais 40 municípios no Rio Grande do Norte, atingindo 2,5 milhões de habitantes, o que corresponde a aproximadamente 75% da população. A aquisição de novos equipamentos de gravação e transmissão darão maior qualidade à emissora.

A ampliação foi confirmada pelo ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini ao presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira em audiência que contou com a participação dos senadores Fátima Bezerra, Garibaldi Alves, o deputado federal Fábio Faria, o secretário geral da Fundação Djalma Marinho, Júlio César, do diretor da TV Assembleia, Bruno Giovanni e técnicos do Ministério.

Na grade de programação, oito novas produções estão em exibição desde junho do ano passado em áreas como esportes, entrevistas, memórias e música. Além de manter produções próprias como os programas Caminhos do RN, Cafundó, Vida Saudável, Felicidade Urgente, Momento Cultural, Sintonia e Com a Palavra, a TV Assembleia começou a exibir os programas Conversa no Memorial, Conversando com Augusto Maranhão, Prorrogação, Mexa-se, Alta Frequência, Memória do Legislativo, Memória do Legislativo 180 anos (documentário) e Perfil Parlamentar, este iniciado em um formato especial, numa homenagem póstuma ao deputado Agnelo Alves, falecido em junho.

“Todas essas novidades contemplam a nossa nova filosofia que é cobrir o trabalho legislativo e oferecer conteúdo cultural e educacional para a população”, disse o diretor da TV Assembleia, Bruno Giovanni.

E as novidades não param por aí. Mais quatro novos programas serão lançados no primeiro semestre de 2016: TV Assembleia Debate, Trânsito, Mídia e Inovação e de entrevistas.

CONTEÚDO

A TV Assembleia vem dando uma atenção especial também à democratização do conteúdo produzido pela emissora, investindo no projeto para transferência de seu arquivo para o sistema de nuvem. A ferramenta vai permitir a visualização da programação para todo o mundo através de aplicativos que permitem a transmissão online da TV.

De acordo com Bruno Giovanni, inicialmente os arquivos em nuvem estarão disponíveis para consulta interna dos profissionais da emissora.Na etapa seguinte, quando todo o material estiver indexado, será possível o acesso do público para pesquisa e download de todo o histórico de atividades da Assembleia Legislativa.

Agente Penitenciário: uma profissão de risco!

125938

Falar em cadeia no Rio Grande do Norte é pensar em presídios superlotados, fugas constantes, insegurança. Mas, o sistema prisional potiguar não é só caos. Ele também é feito de pessoas que trabalham sob risco e tensão constantes: os agentes penitenciários – profissionais que antes de tudo são humanos. É o que mostra um  vídeo no site do G1, resultado de uma reportagem especial exibida nesta quarta-feira (27) no RNTV 1ª Edição, da Inter TV Cabugi.

Trabalhar cercado por criminosos, alguns deles considerados os mais perigosos do estado, não é tarefa das mais fáceis. Essa é a realidade da maioria dos agentes penitenciários que trabalha no Rio Grande do Norte. É assim todos os dias. A reportagem também mostra que estes profissionais são pais, filho, mães… enfim… são pessoas com histórias além da farda.
 

Para ser agente penitenciário, é preciso fazer concurso público. Depois de aprovado, o candidato passa por um curso de preparação. No começo deste ano, o estatuto da categoria foi regulamentado. A partir de agora, só pode se tornar agente quem tiver ensino superior completo. No RN, o salário inicial é de R$ 3.153. Atualmente, o estado possui 900 agentes efetivos para 7.700 detentos.

G1

Sejuc substitui direção de Alcaçuz e de mais quatro presídios do RN

Anderson Barbosa do G1 RN

alcacuz

O sistema prisional potiguar também está passando por mudanças. Foi publicado nesta quinta-feira (28), no Diário Oficial do Estado, atos de exoneração e nomeação que substituem diretores de seis presídios – entre eles a Penitenciária Estadual de Alcaçuz e Presídio Estadual Rogério Coutinho Madruga, ambos em Nísia Floresta, Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio e Cadeia Pública de Mossoró, em Mossoró, e Complexo Penal Dr. João Chaves, em Natal.

Em Alcaçuz, maior unidade prisional do estado, assume a direção o policial civil Ivo Freire dos Santos Rocha. Ele entra no lugar de Eider Pereira de Brito. O vice-diretor, Sebastião Cleibson Câmara, também sai. Para o lugar dele foi nomeado Jucélio Barbosa da Silva.

No Presídio Estadual Rogério Coutinho Madruga, mais conhecido como Pavilhão 5 de Alcaçuz, sai Ivo Freire e assume Thiago Jefferson Bezerra de Lima.

Para a Penitenciária Mário Negócio, em Mossoró, foi nomeada a diretora Alrivaneide Lourenço de Oliveira. Ela, que até então dirigia a Cadeia Pública de Mossoró, entra no lugar do coronel Elyause Moreira da Silva Júnior. O vice, José Fernandes, também deixa o cargo.

Já na Cadeia Pública de Mossoró, de onde sai a diretora Alrivaneide, assume José Fernandes da Mota, que até então era o vice-diretor da Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio.

Por fim, no Complexo Penal Dr. João Chaves, em Natal, sai o diretor José Jonailson de Souza e assume Eider Pereira de Brito, que até então dirigia Alcaçuz.

Sistema em calamidade
O sistema penitenciário potiguar está em calamidade pública desde o dia 17 de março de 2015, após uma onda de rebeliões que atingiu pelo menos 14 das 33 unidades prisionais do estado. O decreto, renovado em setembro, tem validade até março deste ano.

De acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), já foram gastos mais de R$ 7 milhões nas reformas das unidades depredadas. A secretaria reconhece que o sistema penitenciário do RN é ultrapassado e precisa de uma modernização com mais eficiência e tecnologia nos processos

Sethas reabre 10 Restaurantes Populares e inaugura unidade da UERN

restaurante-popular

A Secretaria de Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas-RN) publicou no Diário Oficial do Estado, desta quarta-feira (27), renovação excepcional dos contratos de 10 Restaurantes Populares do Estado. Estas unidades são responsáveis pelo fornecimento de 6.500 almoços/dia de segunda a sexta-feira.

O prazo das renovações segue até o dia 30 de junho próximo garantindo a reabertura das unidades de Mossoró (Alto de São Manoel), Assú (Frutilândia), Areia Branca, Macau, João Câmara, Santa Cruz, Canguaretama, Santo Antônio, Apodi e Ceará-Mirim.

Com a renovação dos contratos entra em funcionamento também uma nova unidade do restaurante popular em Mossoró, no Campus Central da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), que oferecerá 650 refeições para alunos e moradores dos bairros vizinhos. Essa unidade atende a um pleito antigo dos estudantes, servidores e público da região.

Simultaneamente à renovação contratual temporária, a nova licitação do programa Restaurante Popular já está em tramitação na Sethas-RN, aguardando a abertura do orçamento para realização do processo licitatório que será em modalidade de pregão eletrônico.

Projeto defendido por Ezequiel para bloqueio de celulares em presídios pode ser executado pelo Governo

Preocupado com a crise no Sistema Penitenciário do Rio Grande do Norte, o presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Ezequiel Ferreira de Souza comemorou com a ação da Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania em executar o projeto de bloqueio de celulares nos presídios do Estado.

2e5cda946229b7cd8aceced06f5d79c9

Em março de 2015, o deputado Ezequiel Ferreira apresentou um Projeto de Lei que propõe às empresas operadoras do Serviço Móvel que instalem equipamentos tecnológicos para identificar e bloquear sinais de telecomunicações nos estabelecimentos penais do Estado.

O objetivo é impedir a comunicação por telefones móveis nos presídios, evitando a articulação criminosa dos detentos. “O uso proibido de telefones celulares por detentos dentro dos presídios facilita a articulação criminosas que ocorre dentro das unidades, colocando a sociedade em risco”, disse Ezequiel Ferreira salientando que comumente se faz requerimentos para solicitar providências na área de Segurança Pública.

“Com esta ação haverá uma importante colaboração para a Segurança Pública do Estado do Rio Grande do Norte, visto que acabará com as tentativas de articulações  entre as quadrilhas que agem no cometendo crimes, com a participação de integrantes que estão encarcerados no Sistema Penitenciário, utilizando aparelhos celulares para tais articulações”, destacou Ezequiel.

Fonte: Anna Ruth